blefaroplastia-bhPÁLPEBRAS- BLEFAROPLASTIA

À medida que envelhecemos as estruturas ao redor dos olhos tendem a tornarem-se excessivas, flácidas, finas e desvitalizadas. Essas alterações podem levar a uma aparência envelhecida e cansada podendo influenciar inclusive, na perda parcial do campo visual. Nas pálpebras inferiores, as bolsas de gordura podem tornar-se mais salientes, fazendo um volume indesejável na região, o que contribui para uma aparência cansada e “pesada”. A blefaroplastia é uma cirurgia que corrige tais alterações, retirando o excesso de pele e tratando a flacidez muscular e o excesso das bolsas de gordura presentes na região, logo abaixo da pele. A cirurgia visa restaurar o posicionamento normal das estruturas ao redor dos olhos, devolvendo à região, uma aparência mais jovial.

A blefaroplastia é realizada através de incisões (cortes) localizadas nas linhas naturais das pálpebras superiores e logo abaixo dos cílios nas pálpebras inferiores. Após incisar a pele, o cirurgião a separa da musculatura e gordura subjacentes, retira os excessos de gordura das bolsas palpebrais e remove o excesso de músculo e pele. As suturas (pontos) são realizadas com fios finos e delicados. A cicatriz final, geralmente resume-se a uma linha tênue, cuidadosamente posicionada pelo cirurgião nos sulcos e dobras naturais da região, e tende a tornar-se imperceptível após alguns meses.

Nos casos em que há apenas excesso de bolsas de gordura nas pálpebras inferiores é possível realizar a retirada ou a redução das mesmas através de um corte na conjuntiva (dentro dos olhos) sem deixar cortes externos, na pele.

Dúvidas Frequentes

  • A blefaroplastia deixa cicatrizes?

Com um planejamento cirúrgico aprimorado, é possível posicionar a cicatriz nas dobra e sulcos naturais da região. As cicatrizes tornam-se imperceptíveis com o tempo, depois de passado o período de remodelação cicatricial, que compreende de 6 meses a um ano, dependendo de características individuais.

  • Qual é a anestesia usada?

A anestesia local é suficiente para se operar as pálpebras com conforto e segurança. Muitas vezes, usamos uma sedação associada à anestesia local. Raramente usa-se anestesia geral para se operar as pálpebras.

  • Quanto tempo dura o inchaço e o hematoma?

O inchaço dura em média 7 dias, sendo mais intenso nos primeiros 3 dias. As manchas roxas, chamadas equimoses surgem pela presença de grande quantidade de vasos sanguíneos ao redor dos olhos, sendo normal seu aparecimento no ato cirúrgico ou até 2 dias após. Recomenda-se o uso de compressas geladas nos primeiros 7 dias após a cirurgia para melhorar tais sintomas. Os pontos são removidos após 3 a 5 dias da cirurgia.

  • A partir de que idade devo operar minhas pálpebras?

A partir do momento em que o excesso de pele e a flacidez começarem a incomodá-lo esteticamente ou a prejudicar seu campo de visão.

Na maioria das vezes, após a 5ª década de vida, mas existem pessoas jovens, (com cerca de 30 anos de idade), que por características genéticas, já apresentam indicação cirúrgica.

  • Como é o repouso após a cirurgia?

Repouso absoluto por 2 dias e relativo por 7 dias. Manter a cabeça mais elevada, ao deitar-se, por uma semana. Pingar colírios e realizar compressas geladas conforme prescrição medica. As lentes de contato são permitidas após 10 dias e podem parecer desconfortáveis inicialmente.

Proteger-se contra o sol com chapéus e óculos, nas primeiras 2 semanas

  • Pré operatório:
  • Não use os MEDICAMENTOS PROIBIDOS 10 dias antes da cirurgia (impresso entregue pessoalmente durante a consulta médica).
  • Suspenda todo e qualquer medicamento para emagrecer e diuréticos que eventualmente estiver tomando, aproximadamente 15 dias antes do ato cirúrgico.
  • Comunique-se com seu médico antes da cirurgia em caso de gripe ou outra condição que comprometa o seu estado de saúde.
  • Interne-se no Hospital indicado pelo menos 30 minutos antes da hora marcada para sua cirurgia. Se  sua cirurgia estiver marcada para as 07h30min, chegue ao hospital as 07h.
  • O período de jejum deve ser de 8 horas. No caso de cirurgia marcada para as 07h30min, o jejum deverá ter início às 23h30min da véspera. Se a cirurgia estiver marcada para as 13h30min, o jejum deverá ter início às 06h30min do mesmo dia, sendo permitido um café da manhã normal antes das 06h30min. Nem mesmo água é permitida durante o período de jejum.
  • Evite bebidas alcoólicas ou refeições muito “pesadas” na véspera da cirurgia.
  • Tome o seu banho antes de ir para o Hospital ou para a Clínica como sabonete especificado na consulta médica. Recomenda-se fortemente usá-lo por uma semana antes da cirurgia em todo o corpo. Especificamente para o sexo feminino, não usar maquiagem, cremes corporais ou esmaltes de unha escuros no dia da cirurgia. Após a cirurgia as maquiagens são permitidas, a menos que se operem regiões da face.
  • Levar óculos escuros para o Hospital ou Clínica no dia da cirurgia, caso for submetida (o) a cirurgia de face.
  • Para o dia da alta, usar roupas que, para vesti-las, não necessitem passar pela cabeça (por exemplo, evitar as camisetas).
  • Levar para o Hospital ou Clínica todos os seus exames pré-operatórios. Em casos específicos, levar também as cintas, sutiãs, vestimenta adequada.
  • Tome os medicamentos prescritos para antes da cirurgia (caso tenha sido prescrito algum) e providencie aqueles prescritos para uso após a alta hospitalar.
  • Não se acanhe em ligar para o seu médico em caso de dúvidas. Não se preocupe com horários, fins de semana ou feriados. Caso não me encontre por qualquer motivo, um cirurgião de minha equipe estará sempre disponível para as informações necessárias. Sinta-se protegida (o).
  • 15. Para maiores informações, ligue (31) 8493 2172  ou envie um e-mail: contato@patricialeite.com
  • Pós-operatório:
  • Mantenha gazinhas esterilizadas e molhadas em soro fisiológico gelado sobre os olhos durante todo o dia após a cirurgia. O soro fisiológico deverá ficar acondicionado em um balde de gelo ou na geladeira e as gazes umedecidas de 30 em 30 minutos. Você mesma (o) poderá umedecer as gazes desde que o soro esteja perto de você. Toda vez que precisar levantar retire as gazes, despreze-as e, quando voltar, coloque novas gazes sobre os olhos e umedeça-as novamente. À noite, na hora de dormir, umedeça as gazes; não há necessidade de reumedecê-las de meia em meia hora. Não dormir de bruços. Prefira dormir de barriga para cima ou de lado sem comprimir a região operada. Faça isso por 3 dias após a cirurgia.
  • Não durma de bruços. Prefira dormir de barriga para cima ou de lado, sem comprimir a região operada.
  • Tome seu banho de corpo inteiro no dia seguinte da alta. Lave o rosto todo e o couro cabeludo no dia seguinte à operação, tendo sempre cuidado especial com os pontos (não esfregar perto deles). Utilize o sabão receitado para tal. Seque o cabelo com secador frio no pós-operatório. Tenha sempre uma toalha de rosto separada para enxugar toda a cabeça e outra toalha comum para o resto do corpo. Escove os dentes normalmente. É possível aparecer um arroxeado (equimose) em torno das pálpebras e nas bochechas, com inchaço (edema) das mesmas.
  • Evite dirigir nos primeiros 05 dias de pós-operatório.
  • É normal que todo o rosto e pescoço inchem no pós-operatório. Estes sintomas tendem a diminuir progressivamente a partir do quinto dia após a cirurgia. Qualquer dor e/ou volume localizado (hematoma) no rosto ou pescoço deverá ser comunicado imediatamente ao cirurgião. Um pico de febre é comum em qualquer pós-operatório. A persistência da mesma deverá ser comunicada ao cirurgião.
  • No pós-alta imediato é importante o repouso no leito ou em cadeira com encosto reclinável de modo a deixar a cabeceira elevada cerca de 30 graus em relação ao resto do corpo. No dia seguinte, este repouso é relativo, não havendo necessidade de leito ou cadeira reclinável. Tente fazer suas atividades normais dentro dos limites colocados acima. Não fique dependente. Você não está doente e pode fazer até 90% de suas atividades cotidianas.
  • Fique afastada(o) dos afazeres domésticos mais pesados por pelo menos 20 dias.
  • Qualquer esporte com bola (vôlei, basquete, futebol, sinuca, boliche, pingue-pongue, tênis etc) está proibido por 03 meses.
  • Ir à piscina ou à praia está permitido após 30 dias desde que se use bonés ou chapéus de aba larga, da cor preta, que cubram totalmente o rosto e se evite a exposição ao sol. O uso de protetor solar FPS 30 está recomendado.
  • Ir ao consultório como solicitado, para avaliação da  evolução da cirurgia. Os pontos serão retirados após 3 a 5 dias  de pós-operatório, progressivamente.
  • Retorne ao consultório médico na data marcada para dar início às medidas propostas para o seu pós-operatório.
  • Não se acanhe em ligar para o seu médico em caso de dúvidas. Não se preocupe com horários, fins de semana ou feriados. Caso não o encontre por qualquer motivo, um cirurgião da equipe estará sempre disponível para as informações necessárias. Sinta-se protegida (o).
  • Para maiores informações, ligue (31) 8493 2172 ou envie um e-mail: contato@patricialeite.com